All for Joomla All for Webmasters
Ensino Superior

Cursos RUC convidam a “Mergulhar no Éter”

Inês Duarte

Única rádio-escola com atividade no país regressa com três diferentes cursos. Dedicação e compromisso são fatores valorizados pela equipa RUC na escolha de novas vozes. Por Ana Filipa Paz

Estão abertas as inscrições para os cursos da Rádio Universidade de Coimbra (RUC) a todos aqueles que têm interesse em mergulhar no mundo do jornalismo radiofónico. A rádio universitária mais antiga do país volta a apresentar um programa de formações que compromete os departamentos de Informação, Locução e Realização e Técnicas de Radiodifusão. Segundo Lexi Narovatkin, presidente da RUC, a rádio “está aberta a toda a gente, não apenas a estudantes”.

Com 36 anos de história, a RUC tem vindo a desempenhar “um papel de irreverência, que se manifesta por meio de uma plataforma que procura chegar a toda a gente de Coimbra”, explica Lexi Narovatkin. A presidente adiciona que “além de um órgão de comunicação social, a RUC é um agitador cultural” que representa um “tecido social muito específico e pessoal”. Lexi Narovatkin reconhece que “não existe nenhum tipo de pessoa para entrar na RUC” e sublinha a abertura da rádio a novas pessoas. Contudo, regista a existência de uma “simbiose comum com as pessoas dentro da secção, que se revela especial para todos os que fazem parte dela”, confessa.

Conhecer essas particularidades do universo RUC “é algo que só se torna tangível quando se está presente e se participa na dinâmica da secção”, relata a presidente. Lexi Narovatkin considera que “através dos cursos RUC é possível ficar a perceber como é que diferentes departamentos se conjugam e o porquê de existirem”. Informação, Locução e Realização e Técnicas de Radiodifusão são os cursos abertos este ano e, da mesma forma, os departamentos que, através da sua articulação, permitem que a rádio funcione como um todo.

 “A formação pretende incentivar a realização de peças com conteúdo que possa ser reconhecido”, esclarece Lexi Narovatkin. O processo de inscrição implica um estágio de entrevistas, analisadas pelos membros de cada departamento. A presidente descreve os cursos como “mexidos e diversificados”, que começam com vários módulos introdutórios, como “aulas de colocação de voz, descoberta de novos géneros musicais e de artistas, aprendizagem de novas formas de ouvir música”.

O curso de Locução e Realização consiste na realização de “programas de autor e programas de faixa, o que acaba por ser o cerne de curadoria musical”, expõe a presidente da RUC. A fim de terminar o curso, os formandos devem apresentar uma ideia de programa que possa entrar na grelha da RUC. Lexi Narovatkin aponta a “qualidade e a coerência com a linha orientadora da rádio” como critérios de decisão na avaliação do trabalho final. Durante o verão, realiza-se, ainda, um estágio de 32 horas, a partir do qual é feita a seleção dos alunos. As inscrições acabam a 14 de outubro.

Técnica de Radiofusão é um curso com apenas cinco vagas, “devido aos recursos humanos que existem no departamento”, constata Lexi Narovatkin. A presidente considera que este é “o coração da rádio, pois é o que faz com que ela exista com uma emissão, um espaço físico e com uma antena”. O curso de Informação é dirigido a quem “tem mais interesse pela atualidade, com vista a formar novos repórteres RUC e vozes informativas”, diz. As inscrições acabam a 16 de setembro. Lexi Narovatkin adiciona que a carga horária é “agilizada com os formadores e os formandos, pelo que não é linear”. O curso Relatos RUC não vai abrir.

De acordo com Lexi Narovatkin, os módulos são lecionados por “convidados e antigo membros da RUC, que a equipa considera relevantes”. A presidente da RUC justifica o processo cíclico que se verifica “por vários fenómenos culturais que acontecem em Coimbra, como a mobilidade dos estudantes e a sua duração de residência na cidade”. Ao renovar os formadores do curso, com pessoas que já passaram pelo processo de formação, “a RUC garante a sua manutenção e existência, pelo que esse é o objetivo último de todo o trabalho desenvolvido”, finaliza.

A inscrição é feita na secretaria da rádio e tem um custo de 5€. “Um dos fatores que a equipa RUC preza para a escolha das pessoas é a sua disponibilidade de tempo e, mais importante, o compromisso”, remata Lexi Narovatkin

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top