Ensino Superior

TEDxUniversidadedeCoimbra abre inscrições para “reSURGIR”

FOTOGRAFIA CEDIDA POR TEDXUNIVERSIDADEDECOIMBRA (EDIÇÃO DE 2019)

Formulário de inscrição vai estar disponível hoje, às 21 horas. Evento limitado a cem pessoas. Por Daniel Oliveira

Com o tema “reSURGIR”, o TEDxUniversidadedeCoimbra volta a ser realizado no formato presencial. O Auditório Ana Maria Javouhey, no Colégio Rainha Santa Isabel, vai receber o evento no dia 23 de abril.

Ema Felgueiras, organizadora do TEDxUniversidadedeCoimbra e estudante da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC), menciona que a temática para esta edição simboliza “a transição para os eventos presenciais, mas também o ressurgir nas ideias e no tipo de oradores presentes”. Acrescenta que o evento marca também a superação de todas as dificuldades que foram sentidas.

“Todas as edições do TEDxUniversidadedeCoimbra foram por si só disruptivas em relação àquilo a que as pessoas estão habituadas a experienciar no seu quotidiano”, comenta Ema Felgueiras. A organizadora garante ainda que “o “reSURGIR” não é uma rotura com as edições anteriores em termos de qualidade de ‘talks’, porque esteve sempre presente”.

Os oradores que vão marcar presença no evento vão, de acordo com Ema Felgueiras, permitir “construir ferramentas para pensar de forma diferente”. Foram escolhidos com base na sua capacidade de “apresentar uma ‘talk’ que se enquadre no tema”, explica a estudante da FMUC. “São temáticas muito diferentes, que podem não parecer que se encaixem no “reSURGIR”, mas a comissão organizadora acredita que as ‘talks’ vão ser bem integradas”, frisa. 

São oito as pessoas que vão integrar o painel de oradores da edição deste ano, adianta a organizadora. Veronica Orvalho, Paula Prada, José Xavier, Catarina Marques Rodrigues e Manuel Tovar já foram confirmados. Dos oito oradores, sete foram escolhidos pela organização do evento e um é o vencedor do concurso de oradores, que foi aberto ao público, e promovido pela comissão de organizadores, recorda Ema Felgueiras.

O TEDxUniversidadedeCoimbra anunciou também, através das suas redes sociais, a presença de tradução das ‘talks’ para língua gestual portuguesa pelo segundo ano consecutivo. “O caminho que se pretende construir é um caminho para uma sociedade mais igual, justa e inclusiva”, justifica a estudante. Confessa também que, após uma ‘talk’ do ano passado feita pela vencedora do concurso de oradores acerca da questão da acessibilidade, “não faria sentido ignorar essa questão”.

Em relação ao Colégio Rainha Santa Isabel, local onde vai decorrer o “reSURGIR”, a organizadora do evento refere que o auditório “foi o espaço que mais agradou à comissão organizadora, porque tem muito potencial e uma vista incrível sobre a cidade”. Quanto à lotação máxima, Ema Felgueiras constata que a licença do TEDx para realizar o evento só permite a venda de bilhetes para cem pessoas. 

Apesar desse constrangimento, a organização espera que a aposta na divulgação nas redes sociais permita que a população se mantenha “informada não só para esta edição, como também para edições futuras”. Para isso também contribui o ‘site’ do TEDxUniversidadedeCoimbra, que foi renovado pela jeKnowledge. Ema Felgueiras considera que o ‘site’ está “esclarecedor e muito aprazível”.

As inscrições para o “reSURGIR” abrem às 21 horas, através do ‘site’ da edição. A organizadora acredita que a maior parte das pessoas que vão ao evento sejam estudantes universitários, apesar da possibilidade de pessoas exteriores à academia se inscreverem.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2022 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top