All for Joomla All for Webmasters
Cultura

Cultura em destaque no I Fórum AACultura-te

Tomás Barros

Secções culturais dialogam sobre o seu papel no presente e futuro da Academia. Inscrições para palestras ainda se encontram abertas. Por Catarina Magalhães

Depois de uma conversa de café, assim nasceu o I Fórum AACultura-te. Durante os dias 15, 16 e 17 de outubro, membros das secções culturais da Associação Académica de Coimbra (AAC) juntam-se num evento, no Departamento de Física, que pretende a “formação e discussão, para perceber melhor como funciona a AAC”, frisa Paulo Nogueira Ramos, segundo vogal do Conselho Cultural da AAC (CC/AAC).

Numa iniciativa “aberta a todos os associados das secções culturais”, Josefa Guerra, coordenadora da Política Cultural da Direção Geral da AAC (DG/AAC), sublinha a “importância extrema” do diálogo entre as secções e respetivas direções que tomaram posse no ano letivo anterior. No primeiro dia, de acordo com o segundo vogal do CC/AAC, estiveram presentes cerca de 15 associados. No resto do evento, são esperadas duas dezenas de pessoas, uma vez que as inscrições para as palestras ainda não fecharam.

Além de algumas sessões de esclarecimento sobre o funcionamento da Tesouraria e Logística ou a Secretaria da AAC, há espaço para o debate. Nos dias 16 e 17, três mesas redondas visam ser “espaços de discussão” de temas como a atração de novos associados, a reflexão sobre a vivência da cultura da cidade e da Academia e os problemas que a afetam.

Paulo Nogueira Ramos espera que as conversas “sejam o combustível para algumas propostas a ser discutidas” no futuro. No entanto, algumas dificuldades apresentaram-se no caminho, como “a falta de garantia de alguns oradores”, que tentaram colmatar com “planos B”. A coordenadora da Política Cultural da DG/AAC assume também a dificuldade de contactar “algumas estruturas para garantir a presença”, numa iniciativa que demorou cerca de duas semanas a preparar.

A expectativa para a primeira edição era a de que “o máximo de secções” se juntassem, confessa Josefa Guerra, membro indigitado do CC/AAC. Embora a afluência “não seja perfeita”, Josefa e Paulo, os organizadores principais, fazem um balanço positivo. Paulo Nogueira Ramos, presidente do Centro de Informática da AAC (CI/AAC), elogiou as “secções que se predispuseram a discutir e arranjar soluções para a casa”.

O tom é de esperança. Josefa Guerra espera que “seja um projeto a manter”. Na mesma linha, o presidente do CI/AAC, “gostaria que a responsabilidade caísse nas futuras direções”. O I Fórum ACCultura-te foi promovido pelo CC/AAC em conjunto com a DG/AAC, em parceria com o Departamento de Física e com a ajuda do Núcleo de Estudantes do Departamento de Física da AAC.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top