All for Joomla All for Webmasters
Ensino Superior

UC promove conferência internacional sobre “Desenvolvimento sustentável”

Cristina Pinilla Carrasco

Conferência debate temas “incontornáveis para o futuro da humanidade”, segundo o vice-reitor. Iniciativa conta com a participação de altos magistrados do Brasil, Portugal, China e PALOP. Por Carina Costa

A Academia Sino-Lusófona da Universidade de Coimbra (ASL-UC), em parceira com a Universidade Santo Amaro do Brasil, promove esta quinta-feira, dia 18, uma conferência internacional sobre o “Desenvolvimento Sustentável”. A ação toma lugar na plataforma ‘Zoom’ e vai contar com a participação de personalidades de diversas áreas científicas.

João Nuno Calvão da Silva, vice-reitor da UC do pelouro de Relações Externas e Alumni e subdiretor da ASL-UC, explica que esta iniciativa irá abordar “diversas temáticas com uma visão interdisciplinar que envolve o direito, a economia, a tecnologia, a língua e a cultura”. Assuntos como a ação climática, as desigualdades económicas e sociais, a sustentabilidade e a sua ligação às novas tecnologias vão ser abordados por autores de várias partes do mundo. 

A equipa de palestrantes é composta por figuras oriundas de Portugal, Brasil, China e Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP), não obstante todos os debates serão em português. Para o vice-reitor, estes são temas “incontornáveis para o futuro da humanidade” e, por isso, dizem respeito a todo o planeta. 

Em tempos de pandemia, um dos temas que vai ser debatido é o crescimento económico e a redução das desigualdades. O subdiretor afirma que o momento vivido “aprofunda os contrastes sociais” e, por isso, “é fundamental debater este assunto”. “Sem este tema não é possível conseguir erradicar a pobreza que existe pelo mundo”, justifica João Nuno Calvão da Silva.

Outro tema que vai ser debatido é a urgência climática, com a participação do ministro do Supremo Tribunal Federal do Brasil, Ricardo Lewandowski, e do enviado especial de Portugal para os Assuntos do Clima, Alexandre Leitão. O vice-reitor acredita que este tópico é incontornável devido à importância de “todos os países terem de cumprir e assegurar metas sob pena de toda a humanidade ficar em causa”. 

A iniciativa conta com o apoio do Superior Tribunal de Justiça Brasileiro, e vai seguir a linha dos 17 objetivos da “Agenda 2030” da Organização das Nações Unidas. Contando já com quase mil participantes, as inscrições continuam abertas. A conferência tem início às 13 horas em Portugal e às 10 horas no Brasil.

Artigo atualizado às 21h16.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top