All for Joomla All for Webmasters
Cidade

DG/AAC distribui refeições a pessoas carenciadas de Coimbra

Iniciativa pretende ajudar pessoas carenciadas ao mesmo tempo que restaurantes típicos de Coimbra. Parceria entre DG/AAC, Associação Integrar e restaurantes vai continuar até um eventual desconfinamento. Por Ana Haeitmann

O projeto de doação alimentar da Direção-Geral da Associação Académica de Coimbra (DG/AAC) teve início no dia 28 de janeiro de 2021. Contou com a colaboração do restaurante “O Mimo”, em parceria com a Associação “Integrar”, e foram distribuídas 200 refeições no Pátio da Inquisição para pessoas carenciadas. Segundo presidente da DG/AAC, João Assunção, o projeto surgiu a partir da compreensão de que a situação pandémica prejudicou os restaurantes históricos de Coimbra e aumentou o número de pessoas em situações precárias e de carência extrema.

A ação da DG/AAC  repetiu-se no dia 4 de fevereiro e desta vez contou com o restaurante “Escadas de Montarroio” para a produção das refeições. Segundo João Assunção, estes restaurantes foram escolhidos pela sua relação histórica com a Associação Académica de Coimbra e por terem sofrido um impacto negativo com a pandemia. Neste âmbito, o dono do restaurante “O Mimo”, Miguel Santos, realça que “os serviços de ‘take-away’ são uma parcela ínfima da verba dos restaurantes”. O proprietário afirma ainda que apoiou a iniciativa não somente pelo benefício económico, mas também por acreditar que existem mais pessoas em necessidade.

A Associação “Integrar” foi escolhida pela DG/AAC para colaborar na distribuição das refeições doadas pelo trabalho que já realiza no Pátio da Inquisição todas as semanas. Segundo a presidente da Associação “Integrar”, Helena Lourinho o número de pessoas a pedir ajuda à Câmara Municipal e à Associação aumentou muito desde o começo da pandemia, no entanto, lembra que “não houve aumento significativo de colaboradores da associação”.

De acordo com o  presidente da DG/AAC, as pessoas beneficiadas por esta iniciativa são pessoas já assinaladas pela Câmara Municipal de Coimbra e pela Associação “Integrar” com “carência alimentar grave e situação habitacional instável”. O financiamento do projeto vem maioritariamente da DG/AAC, e de acordo com João Assunção, a iniciativa pretende estender-se até que a pandemia termine e a economia do país seja reaberta. O próximo restaurante escolhido para participar no projeto, na próxima quinta-feira, é “O Recanto”.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top