All for Joomla All for Webmasters
Ciência & Tecnologia

Ausência de vacinação contra a gripe coloca cidadãos em risco

Beatriz Monteiro Mota

Falta de vacinas preocupa Presidente da União de Freguesias de Coimbra. Dos dezoito mil inscritos, apenas vinte por cento recebeu vacinação. Por Margarida Martins e Xavier Soares 

A União de Freguesias de Coimbra e a Unidade de Saúde Familiar do Centro de Saúde da Fernão Magalhães viram-se forçadas a interromper o plano de vacinação contra a gripe. A Administração Regional de Saúde do Centro (ARS) não tem vindo a fornecer vacinas suficientes e João Francisco Campos, presidente da União de Freguesias de Coimbra, teme pela saúde dos grupos de risco.

João Francisco Campos alerta para a importância da vacinação como forma de precaver falsos rastreios da Covid-19, dado que os sintomas são idênticos aos da gripe. De igual forma a vacina “retira pressão aos hospitais uma vez que estes já estão sobrecarregados com a Covid”, acrescenta. Questionado sobre a razão para a falta das vacinas, João Francisco Campos declara que “simplesmente não há razão”.

Em carta aberta à ministra da Saúde, Marta Temido, João Francisco Campos aponta para a negligência do Estado e afirma que o “nível de risco dos idosos e doentes crónicos está a aumentar sem a vacina”. “A gripe também mata, não é só a Covid”, salienta. 

Quanto à atuação do Governo e do Serviço Nacional de Saúde (SNS), João Francisco Campos é da opinião que “não basta só implementar regras, é preciso também dar uma resposta sobre como proceder” numa situação em que faltam vacinas para os cidadãos de risco. O presidente da União de Freguesias de Coimbra afirma ainda haver pessoas que “precisam da vacinação e não conseguem entrar em contacto com os centros de saúde”. 

Face à situação pandémica que o país enfrenta, João Francisco Campos receia haver “uma tendência para piorar” uma vez que o Estado não tem conseguido dar conta “de algo tão simples como a gripe”. “É grave se for só em Coimbra, mas é ainda mais grave se pusermos esta situação à escala nacional”, conclui. 

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top