All for Joomla All for Webmasters
Ensino Superior

Apresentar a AAC aos caloiros é mote da palestra na FCDEFUC

Diogo Machado

Sessão teve como objetivo incentivar à colaboração dos estudantes na academia. Em tempos de pandemia, evento foi realizado de forma presencial. Por Diogo Machado

O Estádio Universitário de Coimbra recebeu hoje, no pavilhão 2, a palestra “Dar a conhecer a AAC/UC”. O evento a céu aberto, organizado pelo  Núcleo de Estudantes de Ciências do Desporto e Educação Física da Associação Académica de Coimbra (NECDEF/AAC), convidou, pelas 15 horas, todos aqueles que se deslocavam pela área a conhecer a academia.

A iniciativa contou com a participação de quatro oradores: António Figueiredo, vice-reitor da Universidade de Coimbra, o diretor da Faculdade de Ciências do Desporto e Educação Física da Universidade de Coimbra (FCDEFUC), Pedro Ferreira, também o presidente da Direção Geral da Associação Académica de Coimbra, Daniel Azenha e ainda Diogo Salgado Braz, representante do NECDEF/AAC.

Com o devido distanciamento social, a Maratuna, Tuna Mista da FCDEF deu iniciou com uma canção original “Capas Negras”. Os membros da tuna felicitaram os recém-chegados caloiros e deixaram um convite para que se juntem ao grupo. “Hino da FCDEF” foi a música escolhida para terminar a participação.

Diogo Machado

Diogo Salgado Braz, foi o primeiro orador da tarde e o seu discurso foi direcionado aos alunos do primeiro ano. Começou por referir a história do núcleo e assegurou que o órgão “está de portas abertas para quem necessitar”. O representante do NECDEF/AAC apresentou as diversas áreas de atuação e terminou com o desejo de um bom ano letivo para todos.

“Todos devem participar na AAC”, afirmou Daniel Azenha. Com um discurso focado na variada oferta que a AAC proporciona aos estudantes de Coimbra, com opções culturais e desportivas, o presidente reforçou a ideia de que aprender pode não ser só dentro de uma sala de aula. Daniel Azenha falou, ainda, do seu percurso dentro da casa que dirige.

De seguida, Pedro Ferreira começou a sua intervenção por demonstrar confiança no projeto da faculdade e nos seus alunos. “Num momento em que as condições de saúde retiram alguma expressão corporal, como as expressões faciais, é fundamental a comunicação oral ganhar outra importância”, exaltou.

Para terminar o evento, António Figueiredo relembrou os tempos em que foi estudante “carrego às costas a experiência de ter integrado a primeira geração de estudantes da FCDEF”. O vice-reitor da UC acrescentou que é ótimo que as gerações se continuem a renovar especialmente para “aqueles que gerem a instituição”.

Com Maria Salvador

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top