All for Joomla All for Webmasters
Ciência & Tecnologia

BotOlympics destaca a robótica na cidade de Coimbra

Fotografia gentilmente cedida pela organização do BotOlympics

Evento de robótica conta com a participação de estudantes de várias faculdades. Provas com fator surpresa vão marcar esta edição. Por Paulo Cardoso e Maria Salvador

A cidade de Coimbra acolhe entre os dias 21 e 24 de fevereiro a quinta edição do evento BotOlympics. O acontecimento tem como objetivo promover a área da engenharia eletrotécnica perante a comunidade estudantil. Dar a conhecer o que se faz no mundo da robótica, que “é desconhecido para a maior parte das pessoas” é uma das preocupações da iniciativa, assume João Bento, coordenador geral do evento. Envolvidos na sua organização estão o Núcleo de Estudantes de Engenharia Eletrotécnica da Associação Académica de Coimbra e o Clube de Robótica da Universidade de Coimbra.

O evento vai consistir em provas separadas em três escalões: ensino básico, secundário e superior. Nelas variam os objetivos a cumprir pelos robôs, mas também o tipo de programação. Segundo João Bento, a avaliação do desempenho dos equipamentos vai consistir na rapidez e destreza com que completam as demonstrações.

Os participantes puderam agrupar-se em equipas de quatro elementos, havendo a possibilidade de os jovens se terem inscrito individualmente. Ainda que as inscrições já se encontrem esgotadas, o coordenador do evento afirma que “na prova universitária pode inscrever-se qualquer pessoa de uma universidade portuguesa”. Acrescenta que esta edição conta com participantes da Universidade de Coimbra e do Porto.

A quinta edição conta com várias novidades em relação às anteriores. Para garantir um nível de programação bastante elevado durante o evento, “as provas vão ter um fator surpresa desconhecido pelos participantes até ao dia de início”, declara João Bento. Vai haver também, pela primeira vez, um programa paralelo que contará com várias atividades, “para que as pessoas possam perceber melhor a área da robótica, mas também para que tenham um fim de semana agradável”.

Para João Bento, a celebração deste evento vem alertar a sociedade para a importância dos robôs. Estes permitem “substituir o trabalho humano em situações de risco”. Acrescenta que os robôs e humanos trabalham, cada vez mais, lado a lado, e é “necessário estimular o pensamento de programação para resolver os problemas do futuro”.

A final deste evento vai realizar-se no dia 24 de fevereiro no Alma Shopping. Os prémios a atribuir aos vencedores ainda não foram revelados na totalidade, mas “podem esperar bilhetes gerais para a Queima das Fitas de Coimbra e para o RFM Somnii, entre outros”, conclui o organizador geral do evento.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2018 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top