All for Joomla All for Webmasters
Ensino Superior

Daniel Azenha é o novo presidente da DG/AAC

Hugo Guímaro

Candidato já tinha vencido sufrágio de primeira volta, embora sem maioria absoluta. Lista C angariou 53,40 por cento dos votos. Por Luís Almeida, Pedro Dinis Silva, Maria Francisca Romão e Ana Rita Teles

A lista C – Contigo Somos Académica alia a presidência da Direção-Geral da Associação Académica de Coimbra (DG/AAC) à dirigência da Mesa da Assembleia Magna da AAC, que já tinha sido conquistada a semana passada, na primeira volta eleitoral. O cabeça-de-lista do manifesto C, Daniel Azenha, sagra-se assim o novo presidente da DG/AAC.

53,40 por cento dos boletins deram a vitória a Daniel Azenha. Também a abstenção ocupou espaço neste processo eleitoral, com o valor de 69,22 por cento, superior aos cerca de 59 pontos percentuais registados na primeira volta. Já a cabeça de lista do projeto P – Atitude Preto no Branco, Mariana Rodrigues, alcançou 46,6 por cento dos votos estudantis.

Daniel Azenha já tinha sido o vencedor do sufrágio no primeiro momento destas eleições académicas. No entanto, os 49,98 por cento dos votos conquistados pelo projeto que lidera não foram suficientes para uma maioria absoluta. Se, no primeiro momento eleitoral, tinham sido as Faculdades de Economia, Farmácia, Medicina, e Letras a dar preferência a Daniel Azenha, nesta segunda volta, juntou-se a estas a Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação. Mariana Rodrigues só obteve a maioria dos boletins nas Faculdades de Direito, de Ciências e Tecnologia e de Ciências do Desporto e Educação Física.

A Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da UC foi a segunda a conhecer os seus resultados. Contrariamente ao verificado na primeira ronda eleitoral, em que Mariana Rodrigues alcançou a maior percentagem de votos, é Daniel Azenha quem arrecada a maioria dos votos dos estudantes nesta faculdade, com uma vantagem de 42 boletins.

O polo III ficou marcado pela vitória do cabeça-de-lista do projeto Contigo Somos Académica. 238 votos de vantagem na Faculdade de Farmácia da UC e 168 boletins de avanço na Faculdade de Medicina da UC garantiram a vantagem do candidato. Com este resultado, Daniel Azenha repete assim a vitória nestas faculdades, já consagrada na primeira volta eleitoral.

 

Nas restantes faculdades, verificaram-se as tendências demonstradas na primeira volta do ato eleitoral.

 

 

 

O balanço desta segunda volta eleitoral dá, por isso, a vitória a Daniel Azenha.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2018 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top