All for Joomla All for Webmasters
Cultura

“Da Guerra ao Sonho” enaltece memórias dos soldados da I Grande Guerra Mundial

Pedro Dinis Silva

Sessão reúne relatos e escritos de soldados e autores da I Grande Guerra. Géneros literários vão ser contextualizados por uma imersão sensorial. Por Bárbara Costa e Gabriella Kagueyama

No próximo dia 8 de novembro, pelas 21 horas, vai decorrer a Ocupação Literária “Da Guerra ao Sonho”, organizado pela Secção de Escrita e Literatura da Associação Académica de Coimbra (SESLA). O evento vai ter espaço nos muros do Quartel General de Coimbra. O objetivo é homenagear o centenário do fim da I Grande Guerra Mundial.

Durante a realização da iniciativa, vão ser ouvidos textos escritos por soldados e autores austríacos, húngaros e alemães da época e demais contemporâneos que se referem ao tema da Ocupação Literária. Vão ser ainda destacados autores como Florbela Espanca, que enfatiza na sua escrita as mulheres e a mãe dos soldados na guerra. “O tema vai estender-se para uma ligação com textos de vanguardas modernistas, surrealistas e também dadaístas”, afirma António Pippin, membro da SESLA.

O lugar escolhido para a sessão é conveniente para levar aos espectadores o “contexto militar”, refere António Pippin. “O cheiro a pólvora, a fumaça e o fundo musical de sons da vanguarda futurística, que vão trazer o marginário de guerra, vão compor o ambiente”, enfatiza a presidente da SESLA, Luiza Saab.

A Ocupação Literária é um dos eventos promovidos pela SESLA, que ocorre todos os meses e cuja finalidade é homenagear autores ou festividades. Em novembro, a iniciativa vai ter como destaque os cem anos da I Grande Guerra Mundial. Para além deste evento, a SESLA oferece ‘workshops’ literários e tertúlias para todo o público.

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2019 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top