All for Joomla All for Webmasters
Cultura

Cooperativa Bonifrates pelos Direitos Humanos em peça de Ariel Dorfman

Encenada num contexto de “teatro completo”, a peça já foi bem acolhida pelo público numa exibição em Lisboa. Por André Sobral

Os atores da Cooperativa Bonifrates estreiam em Coimbra, na Casa Municipal da Cultura (CMC), a partir de amanhã, 17, a sua nova peça. “Diz a Verdade ao Poder – Vozes do outro lado da escuridão” é um espetáculo que vai encher a sala de testemunhos de casos reais de violação de Direitos Humanos e de protagonistas que lutaram pelos mesmos.

“São 13 atores e atrizes da Cooperativa”, mais “um músico, que faz a banda sonora ao vivo”, descreve o encenador do espetáculo, João Maria André. Com “dois a representar a figura do poder e outros 11 como as personagens com os testemunhos sobre as suas lutas”, esta peça vem “fiel ao texto” do dramaturgo chileno-americano Ariel Dorfman. Esta é uma das primeiras vezes que esta obra é encenada como um “espetáculo de teatro completo, com cenografia própria, figurinos próprios e movimentação dos atores em palco”, pelo que João Maria André lhe atribui um significado particular.

“Baseada numa colectânea de testemunhos”, a representação retrata “vítimas de violações, de mutilação genital feminina, de perseguições e de tortura”, conta. Para além disso, o esquema traz ainda entrevistas feitas a ativistas da luta pelos Direitos Humanos.

Da estreia do espetáculo na Fundação Calouste Gulbenkian (FCG), no Centro de Arte Moderna, em Lisboa, João Maria André sublinha o “excelente acolhimento” e o facto de parte do público ter considerado esta “uma das melhores encenações que tinham visto da obra”. Encenar a peça havia sido “um convite” da “FCG em conjunto com a Fundação Robert Kennedy para os Direitos Humanos”, aponta ainda, que “honrou a Cooperativa”.

Após uma semana de Queima das Fitas, João Maria André conclui ser “sempre uma incógnita a adesão dos espetadores nestes primeiros dias”. No entanto, em relação ao trabalho realizado pela Cooperativa Bonifrates, declara “estarem confiantes que irá ser bem recebido pelo público”.

paulo abrantes

Fotografia gentilmente cedida por: Paulo Abrantes

Secção de Jornalismo da Associação Académica de Coimbra

Rua Padre António Vieira, Nº1 - 2ºPiso 3000 Coimbra

239 851 062

Seg a Sex: 14h00 - 18h00

© 2018 Jornal Universitário de Coimbra - A Cabra

To Top